R REPORTAGEM

PRESIDENTE DA CNAF PODE NÃO SER ANTIGO ÁRBITRO

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

O sucessor de Acácio Víctor no cargo de presidente da Comissão Nacional de Árbitros de Futebol (CNAF) pode não ser antigo árbitro, conforme sucedeu nas últimas temporadas e determina o regulamento de arbitragem em vigor.

A nova direcção da Federação Moçambicana de Futebol (FMF) ainda não tomou uma decisão sobre a composição da CNAF no presente mandato, havendo abordagens e consultas a várias figuras do sector, tendo em vista a constituição de uma equipa “competente e coesa”.

Feizal Sidat prometeu durante a campanha eleitoral confiar personalidades idóneas para gerirem a arbitragem no sentido de salvaguardar a verdade desportiva hoje bastante contestada por outros agentes do futebol.

desafio cruzou várias fontes e apurou que uma das possibilidades que está na mesa é a nomeação de uma figura que não é um antigo árbitro, rompendo com o passado e, inclusive, com o regulamentado.

Por: Custódio Mugabe
Fotos de Arquivo

Publicidade

Director: Almiro Santos
Chefes da Redacção:
Reginaldo Cumbana e Gil Carvalho

Desafio é um Jornal desportivo, produto da Sociedade do Notícias.

O Jornal esta disponível em formato físico impresso, o mesmo pode ser lido em formato electrónico.

Play Store

AppStore

SNLogo2

Propriedade da Sociedade do
Notícias, SARL
Direcção, Redacção e Oficinas
Rua Joe Slovo, 55 • Cx.Postal 327
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
( Tel's: 21320119 / 21320120 )
Topo
Baixo