Novo amuleto de Abel

Joca Estêvão
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Ponderei bastante antes de escrever este artigo, mas lembrei de um sábio que dizia: aquilo que não dizemos acumula-se no corpo, transformando-se em noites sem dormir, nós na garganta, nostalgia, dúvidas, insatisfação e tristeza. O que não dizemos não morre… mata-nos”. Por isso passei por cima da nossa boa relação, mister Abel Xavier.

Após a segunda derrota consecutiva dos Mambas, o Abel Xavier concedeu uma conferência de imprensa exibindo uma estatueta de uma figura ligada ao boxe, presume-se. Ao longo do seu discurso, em tom demasiadamente elevado e inflamado, disse: “somos fortes…” Esse ser forte resumiu-se em duas derrotas consecutivas e um empate.

Apesar do cenário negativo, Abel deixou claro que não vai se demitir. Aliás, matematicamente os Mambas têm condições de se qualificar ao CAN dos Camarões. Nesse aspecto ninguém tira-lhe o sonho, mesmo tendo de depender de terceiros. Provavelmente Abel Xavier acredite que a tal figura o conduza às vitórias nos dois jogos que faltam por disputar, uma frente à Zâmbia, no próximo dia 16 de Novembro, e outra diante da Guiné-Bissau, na casa deste, em Março do próximo ano.

Leia mais...

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão

Publicidade