SE QUEREM O MOÇAMBOLA DE VOLTA, ORGANIZEM-SE!

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A suspensão do Moçambola e dos treinos das equipas envolvidas nele mostra que não estávamos a levar a situação da Covid-19 com a seriedade que se impunha. A condição inicial para a sua disputa era que os clubes efectuassem os testes com regularidade.

Infelizmente, a Federação Moçambicana de Futebol (FMF) não foi célere a responder sobre a viabilização da testagem, enquanto os clubes se dividiam na emoção do regresso da prova; da necessidade de justificar os valores despendidos para suportar os seus plantéis e, ainda, uma vontade oculta daqueles que preferiam arrancar a prova mais tarde.

Da indefinição no arranque ou não da prova, a FMF, dizem que por influências externas, decidiu, recorde-se, o dia em que se ia realizar o campeonato das 11 equipas que haviam cumprido com o licenciamento com o devido rigor, “borrando” o desejo de uma boa parte dos clubes e dos amantes do futebol em ver a bola rolar mais cedo, mesmo arriscando uma mudança a época forçada sem os créditos das associações provinciais, que, como se sabe, quase sempre não pensam com o seu cérebro.

Joca Estêvão
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Publicidade
UBI-interactivo-MREC 1 (2)

Director: Almiro Santos
Chefes da Redacção:
Reginaldo Cumbana e Gil Carvalho

Desafio é um Jornal desportivo, produto da Sociedade do Notícias.

O Jornal esta disponível em formato físico impresso, o mesmo pode ser lido em formato electrónico.

Play Store

AppStore

SNLogo2

Propriedade da Sociedade do
Notícias, SARL
Direcção, Redacção e Oficinas
Rua Joe Slovo, 55 • Cx.Postal 327
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
( Tel's: 21320119 / 21320120 )
Topo
Baixo