O DIA EM QUE MAPUTO VIROU CAPITAL DO FUTEBOL MUNDIAL

Maputo foi honrado, terça e quarta-feira últimas, com a presença do líder máximo do futebol mundial, o suíço-italianoGianni Infantino, que se fez acompanhar por altos quadros da FIFA e da CAF. Da parte da FIFA estiveram a secretária-geral, Fatma Samoura (senegalesa), Veron Mosengo Omba, responsável da FIFA para as federações africanas, Youri Djorkaeff, campeão do Mundo em 1998 pela França e actual responsável pela Fundação FIFA, Mattias Grafström, quadro da FIFA, Onofre Costa, oficial de Imprensa da FIFA, Frederico Raviglione, chefe do gabinete do presidente da FIFA, David Fani, chefe do Gabinete Regional de Desenvolvimento da FIFA, e Samuel Eto’o, FIFA Legend.
Já a CAF esteve representado pelo seu presidente, o malgaxe Ahmad Ahmad, tendo estado na comitiva de Infantino o presidente da Federação Sul-Africana de Futebol (SAFA), Danny Jordaan, o presidente da Federação de Futebol do Zimbabwe e cumulativamente da COSAFA, Phillip Chiangwa, e, finalmente, Andrew Kamanga, presidente da Federação Zambiana de Futebol.
São estas figuras de peso no panorama do futebol global que, digamos, transformaram momentaneamente Maputo numa autêntica capital do futebol mundial, submetendo-se a uma actividade intensa que começou logo após o seu desembarque, pouco depois das 21.00 horas de terça-feira.Leia mais...
Por:Reginaldo Cumbana
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Luís Muianga

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão

Publicidade