Derby lusófono na última jornada do cosafa

O Wolfson Stadium, em Nelson Mandela Bay, será o palco para o jogo que colocará frente-a-frente a Selecção Nacional feminina de Futebol e a sua congénere do eSwatini, no dia 1 de Agosto do ano corrente, na jornada inaugural do Grupo “C” do Campeonato feminino de Futebol do Conselho das Associações de Futebol da África Austral (COSAFA).

A competição decorre pela segunda vez consecutiva, na cidade de Port Elizabeth, África do Sul, de 1 a 11 de Agosto do ano em curso. Importa destacar que, a par disso, Moçambique irá estrear-se com a selecção Sub-20 da categoria, que vai tomar parte na nova competição que vai decorrer em simultâneo com a prova das seniores. Pela primeira vez na história da COSAFA, será introduzido o torneio destinado a raparigas ao nível dos Sub-20. O Município de Nelson Mandela Bay vai acolher a prova, tal como nos referenciamos anteriormente. Em 2017, no torneio havido em Bulawayo, a Selecção Nacional feminina de Futebol empatou diante da sua congénere da Suazilândia por 2-2, deitando por terra a possibilidade de garantir a vaga nas meias- -finais, depois de ter cedido uma pesada derrota na jornada inaugural diante da convidada Quénia por 5-2. Lúcia Moçambique e Betinha Alfredo apontaram os tentos do lado moçambicano nos minutos 73 e 89, respectivamente. No que à segunda jornada diz respeito, o combinado nacional, que só precisará de 24 horas para recarregar as baterias, terá de defrontar no dia seguinte, isto é, no dia 2 do mesmo mês, a sua congénere do Zimbabwe. As treinadas de Cláudio Macapa, técnico da equipa moçambicana, encerram a fase de grupos no dia 5 de Agosto medindo forças com a estreante Angola, naquele que será o derby lusófono nesta competição. O Grupo “A”, que é encabeçado pela anfitriã e campeã em título África do Sul, integra igualmente as selecções do Malawi, Ilhas Comores e Madagáscar, enquanto o Grupo “B” é composto pelas selecções da Zâmbia, Namíbia, Maurícias e Botswana. As 12 equipas serão divididas em três grupos, cada um contendo quatro. Segundo reza o regulamento da prova, apenas a melhor classificada de cada grupo avançará para as meias-finais, juntamente com o vice-campeão melhor classificado. Recorde-se que a África do Sul é a actual campeã, após bater no ano passado os Camarões por 2-1 na final, com um bis de Refiloe Jane nos minutos 41 e 90+1, respectivamente. Leia mais...

Por: RAIMUNDO ZANDAMELA
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Arquivo

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão

Publicidade