PÓLVORA DOS MILITARES NÃO CHEGOU PARA ABATER OS TOUROS!

Por: GILBERTO GUIBUNDA
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Arquivo
 
Para quem esteve no campo dos militares da capital do país e viu a primeira parte cinzenta ou apagada do Matchedje, tendo sido por via disso obrigado a abandonar o recinto de jogos nesse primeiro período, pode não acreditar, se contado, da réplica que o campeão nacional de 1990 deu na segunda parte do jogo frente ao pragmático conjunto da Black Bulls. Com o andamento do jogo, desenhava-se, de facto, um par de golos, mas enganou-se quem assim pensou porque a boa segunda parte feita pelos militares obrigou- -nos a questionar: onde esteve este Matchedje na primeira parte? Bom, a resposta pode ser evasiva, porque a má prestação da equipa nesta etapa pode também ser explicada pela excelente entrada da equipa visitante, que não deu muitas hipóteses aos anfitriões de pensar muito no seu jogo.
No rescaldo do jogo que deu vitória importantíssima dos touros, face aos outros resultados dos seus mais directos concorrentes na luta pelo primeiro lugar, ficam os cinco golos, ou seja, três para a Bulls e dois para os dois da casa, que continuam num lugar imaginável para quem publicamente anunciou ambicionar mais, o penúltimo lugar, com dois pontos, jogadas quatro jornadas. Com a vitória, Black Bulls saltou para a segunda posição e está a um ponto do ainda líder Desportivo da Matola, que foi a Boane dividir pontos com os sargentos.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão

Publicidade