CLUBES TEMEM QUE MUDANÇA DE FIGURINO AFECTE A QUALIDADE

Por: Atanasio Zandamela
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Arquivo

Ainda que entendam que a Liga Moçambicana de Futebol (LMF) geriu a situação deficitária até à exaustão, alguns clubes do Moçambola, ouvidos pelo desafio semana finda, mostram-se solidários para com o executivo de Ananias Couna. Contudo, defendem que este deve ir até às últimas consequências para que em 2019 a prova seja disputada nos actuais moldes, de todos contra todos em duas voltas, por considerarem como sendo aquele formato que torna a prova numa verdadeira festa nacional, daí que temem mesmo que com a mudança a qualidade fique afectada.

Depois de termos ouvido a versão da LMF e os seus quatro modelos, bem como os dois figurinos de Arnaldo Salvado, coube agora a vez de 13 dos 16 clubes que na prática são os que movimentam o Moçambola e são os principais artistas deste processo no momento.

Os clubes foram informados dos quatro modelos mas também têm uma informação dos dois propostos por Arnaldo Salvado e na hora de dar uma sugestão defendem que se deve fazer tudo que for possível para a manutenção deste figurino.

Leia mais...

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão

Publicidade