NÃO SE TAPA O SOL COM A PENEIRA!

O costa do sol teve uma missão naturalmente fácil, goleando (4-0) o já despromovido têxtil do Púnguè, um adversário que tentou, em vão, maquiar a realidade, por culpa do foco do seu adversário, muito bem embalado para a conquista da versão 2019 do Moçambola, em cuja luta se lhe atravessa a União desportiva do songo, numa luta titânica comdesfecho a todos os títulos imprevisível.
“cavalgadas” impressionantes teve-as o costa do sol, que lhe teriam rendido um golo logo aos 4 minutos, não tendo isso acontecido por culpa do défice de impulso de Johane, incapaz de desviar um cruzamento vindo do lado direito do seu ataque. estava, entretanto, accionado o aviso de “mau tempo”.
Enquanto o têxtil não se resolvia, o costa do sol continuou a ensaiar, incessantemente, variantes ofensivas e aos 8 minutos isacganha um duelo sobre Beto, pela esquerda, e centra para a área, onde aparece o fogoso eva Nga a tentar atirar mais com jeito do que com força, mas o seu remate é barrado por um defensor.Leia mais...
Por:Reginaldo Cumbana
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Luís Muianga

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão

Publicidade