Novo amuleto de Abel

Joca Estêvão
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Ponderei bastante antes de escrever este artigo, mas lembrei de um sábio que dizia: aquilo que não dizemos acumula-se no corpo, transformando-se em noites sem dormir, nós na garganta, nostalgia, dúvidas, insatisfação e tristeza. O que não dizemos não morre… mata-nos”. Por isso passei por cima da nossa boa relação, mister Abel Xavier.

OS RESILIENTES NÃO VERGAM FACILMENTE!

ReginaldoCumbana
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Ainda estamos mal refeitos do desaire caseiro verificado sábado último em pleno Estádio Nacional do Zimpeto na recepção à Namíbia, que, contra algumas previsões, nos derrotou por 2-1, em jogo da terceira eliminatória do Grupo “K” de apuramento ao CAN dos Camarões, a ter lugar já no ano que se avizinha.

VAMOS PARA CIMA DELES, RAPAZES!

Joca Estêvão
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Mesmo faltando quatro jogos para o final da campanha de qualificação ao CAN-2019, sinto-me forçado a dizer que a dupla jornada com a Namíbia é o “tudo ou nada” porque, para todos efeitos, somos obrigados a vencer os dois jogos ou, no mínimo, vencer um e não perder o outro. Por isso o meu grito e de muitos outros tem os dizeres seguintes: vamos para cima deles, rapazes! Mas vamos com tudo mesmo. Comam a relva se for preciso. Em todos os momentos dos 120 minutos pensem simplesmente que vencer é um imperativo.

Pág. 1 de 5

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão