DO CRIME COMUM, CONIVÊNCIA AO TRUNFO DA INCOMPETÊNCIA

Joca Estêvão
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

No jogo vale tudo?

O jogo passou a ser regido por regras próprias há décadas e décadas, depois de um período de um amadorismo total. Foram criados organismos para fazer cumprir as leis e regras impostas, que se viram melhoradas de acordo com as circunstâncias. 

Para mim, o jogo vale pelo que se dirime dentro das quatro linhas.

Estou a basear-me em pressupostos considerados normais, como aqueles que entendo que norteam a verdadeira alta competição, onde não há espaço para inscrições com irregularidades. Qualquer tentativa de deturbar as leis impostas é imediatamente rechaçada. Em nenhum momento a associação que tutela a modalidade, neste caso o futebol, vai ser chamada a meio ou no fim da época para dirimir esse tipo de assuntos em Espanha, Inglaterra, Itália, França e até Portugal. E nós queremos estar ao nível de todos esses