O Dr. Joel Libombo e a Dra. Maria de Lurdes Mutola

Duas palavrinhas na ressaca destas eleições no Comité Olímpico de Moçambique, surpreendentemente vibrantes e empolgantes:

A primeira tem a ver com o facto de, a uma dada altura deste intrincado processo, o Dr. Joel Libombo ter figurado como a alternativa externa para a sucessão de Marcelino Macome, proposta que apenas ganharia vulto no caso de nenhum dos membros da direcção cessante se mostrar interessado em avançar com uma candidatura. Em alguma localidade ou lugarejo qualquer emperrou a geringonça, resultando a sua falta de lubrificação na geração da Lista B, a lista derrotada do Marítimo.

A segunda palavrinha tem a ver, precisamente, com esta Lista B, de onde se destacam os nomes do Dr. Joel Libombo, antigo Ministro da Juventude e Desportos, e o da Doutora Honoris Causa pela Universidade Eduardo Mondlane, a Campeã Olímpica dos 800 metros de Sydney-2000, Maria de Lurdes Mutola. Em nome de uma lógica aglutinadora, faria todo sentido um convite para que ambos integrassem a lista vencedora, até porque havendo um histórico de alianças desencontradas em razão da tal falta de lubrificação.

Fica a mensagem para quem a pode acolher.