Incisivos na luta pelos seus direitos

Rogério Marianni, que foi indicado para fazer parte da constituição desta união, estará em Maputo nos próximos dias, onde juntamente coma a direcção da AMTF irá fazer um relatório detalhado a ser apresentado à ministra da Juventude e Desporto, Ana Flávia Azinheira, com o fito de mostrar aquilo que os estatutos preconizam e de lá receber alguns subsídios se necessários. Naturalmente que daremos também um informe à nossa federação, teremos que ser muito mais incisivos na luta pelos nossos direitos para que fique regulamentado no Regulamento Disciplinar. Já tivemos encontros com a direcção cessante da FMF e o facto é que todas as nossas reivindicações não foram colocadas em prática. Infelizmente não existe em Moçambique especificamente nenhum jurista da área desportiva e isso limita a defesa dos direitos dos treinadores. Tudo aqui é analisado com base na lei generalista, a Lei do Trabalho. Apesar de Moçambique ter uma lei específica do desporto, os nossos juristas não dão valor em defesa aos treinadores, lamenta.

 

Leia mais...

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Próximo Jogo

Publicidade