Uma final sem favoritos

Nos bancos técnicos dos finalistas não es-tarão os treinadores que iniciaram com a competição, por terem sido afastados, depois de terem disputado a primeira “mão” das meias-finais. Na Liga agora é Ali Hassan quem manda, em substituição de Dário Monteiro, enquanto doutro lado estará sentado João Figueiredo, que substituiu Chiquinho Conde.