Queremos que o lugar do pugilista seja o ringue

Por: Atanásio Zandamela
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Foto de Isaías Sitoe

E leito por unanimidade dos três clubes e quarto academias sábado último presidente da Associação de Boxe da Cidade de Maputo (ABOCM) para o quadriénio 2018-2022, Sidónio Moisés Chavisse promete trabalhar para assegurar a promoção de mais competições porque, no seu entender, o lugar do pugilista é no ringue, mas “nos últimos anos, sobretudo este, estes têm estado mais distantes do ringue”, afirmou em entrevista ao desafio.

Para Chavisse, o pugilista não pode evoluir só de treinos.

- “Não basta só treinar. É necessário que se inverta esta situação. Aliás, os fazedores do boxe reclamam e pediram para que promovêssemos mais competições e é o que pretendemos fazer”, assegura. De acordo com este, os feriados nacionais, sobretudo 3 de Fevereiro, 7 de Abril, 25 de Junho e 25 de Setembro, devem ser preenchidos com torneios do boxe.

Leia mais...