Guiné-Equatorial é a paragem

– Para lhe ser franco e sincero, estarei na Tunísia a orientar uma equipa masculina na Taça de Clubes Campeões em seniores masculinos. Estou igualmente em negociações com uma equipa no meu país e se tudo correr penso que será depois do Natal. Tenho opções e sou profissional, preciso continuar o meu caminho, certo de que sempre darei prioridade a Moçambique caso tenha que decidir opções. Meu próximo objectivo é estar mesmo fora de Moçambique.

– Qual é a próxima paragem em África?

– Fiquei muito feliz com a etapa no Ferroviário e vou à Guiné-Equatorial orientar o Malabo XV na Taça dos Clubes Campeões, que será na Tunísia.

Gilberto Guibunda