Rafik e Lalgy compram Amora FC de Portugal

Resultante duma inédita união de forças, os empresários moçambicanos pretendem usar este clube para a projecção de jogadores moçambicanos naquele país europeu, onde tanto Sidat, através da Liga Desportiva de Maputo, como Lalgy, através do Clube do Chibuto, têm jogadores emprestados.

Para o ingresso dos moçambicanos na SAD daquele clube, os sócios do Amora aprovaram, na noite de sexta-feira (23), a entrada destes investidores moçambicanos naquela equipa, que se encontra a lutar pela subida à 3.ª divisão, levando 8 pontos de vantagem sobre o 4.º classificado e 15 sobre o 3.º classificado.