Gisela: a senhora do mar

E não é por acaso que está nos Golfinhos. Ela sente-se com a força daquele animal adaptado para viver num ambiente como se de uma sereia se tratasse, por isso desde os 14 anos que percebeu que a piscina ficou pequena e já enfrenta o mar sem problemas, tendo quatro títulos ganhos. 

Nascida no dia 17 de Junho, Gisela Cossa é “gémea” de signo e comporta-se como tal. É verdadeiramente apaixonada por aquilo que faz – envolve-se emocionalmente com o trabalho – tal como é característico dos que nasceram naquela data. 

A “Golfinhos” mostra-se como uma mulher que não tem medo de desafios encarando tudo com muita intensidade, sendo uma pessoa muito competitiva que não suporta a ideia de desistir da luta ainda que os caminhos se mostrem sinuosos. E até os problemas de visão, que a apoquenta, não são vistos como entrave. “Primeiro enfrentamos problemas de sinalização por causa da distância e para mim é pior porque tenho dificuldades de ver numa distância maior. Confesso que prefiro Catembe-Maputo porque uso as torres como sinalização.

Em 2013, aos 14 anos, desafiou o mar (travessia) pela primeira e vez e terminou a prova em segundo lugar atrás de Raquel Lourenço e depois disso seguiram as conquistas o que faz de Gisela a maior vencedora desta prova a nível feminino. 

Atanásio Zandamela