Já começou a “operação Colômbia”

Não será pelos jogos de controlo que a Selecção Nacional de Futsal se irá queixar caso os objectivos desportivos perseguidos na Colômbia não corram a contento nesta primeira participação de Moçambique num Campeonato Mundial da modalidade, marcado para 10 de Setembro a 1 de Outubro. Isso porque a Federação Moçambicana de Futebol tem em sua posse convites formulados por selecções de topo mundial, que vêem em Moçambique um adversário adequado para medir o pulsar dos seus conjuntos tendo em vista este compromisso planetário que já está à porta.

Satisfeita uma das grandes vontades do seleccionador nacional, Naymo Abdul, que diz respeito a jogos de preparação, Costa Rica e Portugal são os primeiros já confirmados. Aproveitando a sua estada em Portugal para o amigável com a equipa lusa, a Costa Rica (18 de Agosto) é a primeiro adversária de Moçambique. Vencedora do Campeonato de Futsal da Confederação de Futebol da América do Norte, Central e Caribe (CONCACAF), a Costa Rica (19.ª no ranking da FIFA) é um adversário de peso, com um estilo de jogo táctico-técnico característico dos países hispano-americanos que se assemelha ao Brasil, adversário de Moçambique no Grupo "D". As duas nações já se defrontaram em 2011, na sétima edição do GrandPrix do Brasil, com a vitória a sorrir para os moçambicanos (4-2).

O segundo será com a selecção lusa (7.ª da FIFA) e onde actua o melhor do mundo, Ricardinho. O jogo está agendado para o dia 19 de Agosto, no Entroncamento, Rio Maior. Os dois adversários são apreciados pelo seleccionador nacional, que vinca ser importantíssimo para o seu conjunto defrontar nesta fase equipas deste gabarito.