SONHO DO SONGO ESCAPULIU-SE AOS PÉS DOS DIABOS VERMELHOS

Por: Joca Estêvão
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Victor Marrão

Quando a Direcção da União Desportiva do Songo assumiu a inscrição da sua equipa na fase transitória da Liga dos Campeões 2018/19 a vontade foi de chegar o mais longe possível na competição, quiçá suplantar o recorde da prova anterior (Taça CAF2018), onde foi até ao terceiro lugar. Também o técnico Nacir Armando afirmara que a sua equipa não entraria na competição para fazer “papel” e que seria necessário arregaçar as mangas para mostrar o seu valor ao continente, até porque tinha a certeza de que pela forma como a equipa foi eliminada pela TP Mazembe na Liga dos Campeões anterior e face ao percurso conseguido na Fase de Grupos da CAF os hidroeléctricos já ostentam algum respeito pelos adversários.

Mas o sorteio viria a ser padrasto para os bicampeões nacionais, colocando o Nkana FC, também conhecido como Nkana Red Devils da Zâmbia, que veio vencer no Caldeirão do Chiveve na primeira mão da pré-eliminatória, por 1-2, e ganhando em sua casa por 1-0. Na Beira os zambianos já tinham mostrado que estavam num patamar acima dos moçambicanos, particularmente na primeira parte, mas na partida de Kitwe o árbitro “cavou” uma grande penalidade no final do primeiro tempo regulamentar. O equilíbrio veio na etapa conclusiva, com oportunidades de golos para ambas as partes, todavia o Songo no último suspiro podia ter chegado ao golo na jogada em que Amadu deixou o guarda-redes no chão e assistiu a Jimmy, que não conseguiu fazer melhor, empatando o jogo e submeter os donos da casa a massacre nos últimos instantes do jogo até conseguir igualar a eliminatória.

Leia mais...

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Próximo Jogo

sábado, 30 março 2019
F. Beira vs Textáfrica
00:00 | Beira
F. Maputo vs Desportivo
00:00 | Maputo
L.D. Maputo vs ENH
00:00 | Maputo

Publicidade