ASSOCIADOS NÃO QUEREM AMOSSE CHICUALACUALA

Por: Joca Estêvão
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Arquivo

Os sócios mais influentes do Costa do Sol já deram a cara para falar do futuro do seu clube.
Para eles, Amosse Chicualacuala não deve ser a pessoa indicada para levar avante os destinos dos canarinhos. Para eles, a Electricidade de Moçambique (EDM) deve indicaruma outra individualidade para dirigir o clube, segundo rezam 
os estatutos dos canarinhos.
Um dos associados mais antigos e mais influentes é Hussene Jani Hussene Calú, que desde 1976, após a independência, no acto da reorganização do clube, juntou-se a personalidades como Júlio Rito, já falecido, Cassamo, Rostangy (Soly)
para reerguer a colectividade, que tinha perdido muitos dirigentes que decidiram mudar-se para Portugal.
Calú conta que naquela altura o Costa do Sol viveu momentos atribulados e esses elementos citados não falavam a mesma língua. Discutíamos ideias, mas acabámos por encontrar o caminho certo. Depois dos encontros, apesar da
divergência de ideias, tínhaainda mos um bom relacionamento, começou por dizer o actual sócio número 22 dos canarinhos, e prosseguindo comparou ao momento vivido nos últimos anos no clube.

 

Leia mais...