PARKIM LIMPINHO NO FERROVIÁRIO

Por: Gilberto Guibunda
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de José Zangado

É a transferência mais tribulada nos últimos anos nesta janela de Inverno. Depois do muito que se disse sobre o seu alegado ‘desaparecimento’, eis que Luís Melville Parkim reaparece com as cores verde e branca do Ferroviário de Maputo. O internacional moçambicano não se alongou nas palavras e deixou a garantia de que está limpinho, limpinho, para representar os locomotivas da capital.
O tempo de um jogador é curto e quanto mais puder representar as melhores equipas, as melhores ligas, melhor para ele. Amores clubísticos muitas vezes não chegam para aquilo que são os seus objectivos na vida. Declarar que serei eternamente da tal equipa e é aqui onde irei acabar já é do passado.
Naturalmente, dentro deste percurso quebram-se as amizades com os adeptos, com os dirigentes, com a massa associativa, etc., porque nenhum destes fica hilariante ao ver o seu craque partir e representar um rival. Mas o futebol é tudo isto: uma gota no oceano que se transforma em mar de emoções.
Como sói dizer-se, não se agrada a gregos e troianos.

Leia mais...