VITÓRIA TRANQUILA

Por: Bernardo Carlos
fotos de Bernardo Carlos

A União Desportiva do Songo recebeu no seu campo, na vila do Songo, em Tete, a formação do Ferroviário de Nacala, tendo vencido por três bolas a uma, em partida integrada na décima jornada do Moçambola. Este resultado alavancou de certa forma a turma hidroeléctrica, fechando o ciclo de derrotas consecutivas no Moçambola como nas provas da CAF, onde está submetida.
As equipas entraram no rectângulo com objectivos alinhados para o ataque e foi assim que aos 3 minutos, depois de dois falhanços de Hélder Pelembe, Chelito, numa jogada individual, galgou o terreno do meio-campo do Ferroviário de Nacala pelo franco esquerdo, penetrou no interior da grande área e com apenas Victor à sua frente não teve dificuldades de escolher o melhor ângulo e abrir o activo.

 

Leia mais...