«Estamos prontos para jogar e fazer o melhor», Isidro Amade, do Ferroviário de Maputo

–Temos a vantagem de iniciar com um adversário que já conhecemos! Estamos preparados para jogar.  Viemos para esta prova para competir e o Ferroviário da Beira ­é mais uma equipa,  das tantas que estão aqui,  que vamos respeitar porque tem valor,disse Isidro a seguir lamentando as condições oferecidas pela federação tsuana de basquetebol, que acolhe e organiza a prova.

– As condições não são das melhores. Não há campos para treinos, há falta de transporte para movimentar as delegações e o horário das refeições não se adequa para este tipo de competição mas, vamos superar porque contávamos com estas adversidades. Estamos prontos para jogar e fazer melhor, observou.

 

Além dos irmãos Matos, Custódio Muchate, Elton Mazive e Aurélio Chiziane são as ausências do Ferroviário de Maputo para esta competição. 

Gilberto Guibunda, em Gaberone com o patrocínio do CFvM.