Munícipes de Vilankulo vandalizam campo polivalente

A vandalização iniciou no ano passado, faltando dois dias para o arranque do campeonato distrital das modalidades de salão, tendo os malfeitores retirado os portões, lâmpadas e sabotado as tabelas de basquetebol.

O estado do campo preocupa os praticantes de futsal pelo facto de não estar em condições de acolher jogos e também porque passam mais de seis meses que o campo vem sofrendo a acção dos vândalos e o município nada faz.

As instalações apresentam uma imagem de abandono. O edil de Vilankulo, Abílio Machava, manifestou a sua inquietação pelo acontecido e pelo estado em que o campo se apresenta actualmente, suspeitando que os autores do facto sejam jogadores de futebol.

Por outro lado, Machava mostrou a sua insatisfação com o que tem acontecido no campo pelado, afirmando que no decorrer de algumas partidas tanto os adeptos quanto os atletas têm assistido a uma grande falta de respeito por parte de alguns automobilistas, que atravessam o campo durante os jogos.

De referir que o recinto não só é usado pelos munícipes no geral, mas também para aulas de Educação Física, pois algumas escolas não têm condições para o efeito nas suas instalações.

Entretanto, o Município já anunciou que as obras de reabilitação do campo danificado irão decorrer em Setembro próximo.