ENH ESPANTA ESPECTRO DA DESPROMOÇÃO

A vitória folgada de quatro bolas sem resposta do ENH de Vilankulo frente à UP de Manica, ontem em Inhambane, poderá ter garantido a manutenção dos hidrocarbonéticos na prova máxima do futebol, Moçambola, edição 2019, quando ainda faltam três jogos do fim da presente edição. Com esta goleada os representantes de Inhambane no Moçambola somam 34 pontos na tabela classificativa. Para o fim do campeonato ENH vai defrontar a UD Songo na casa daquele, regressa para receber o Costa do Sol e fecha esta época com o Ferroviário de Maputo também em Vilankulo.

Entretanto, o triunfo de ontem poderá ter passado dos pés do ponta-de-lança Rachid, ao apontar três golos ainda na primeira parte. Rachid, que quase toda a primeira volta esteve fora dos campo por conta de uma lesão, mostrou ontem em Vilankulo ser um atacante perigoso, um verdadeiro rato na área.

A eficácia na concretização das oportunidades que os hidrocarbonéticos construíram ontem mostra claramente que 4 1 0 0 ENH de Vilankulo 1º de Maio de Quelimane UP de Manica Desportivo de Nacala os maus resultados que a equipa teve nesta época poderão ter sido causados pela sua longa ausência, porque com ele dentro das quatro linhas há respeito, os defesas sabem que no campo há um jogador chamado Rachid.

Leia mais...