Universitários reprovam em Nacala

Os pupilos de Sérgio Faife, tiveram que esperar a inspiração de Chana que trouxe uma nova dinâmica de como abordar o jogo ante a apatia dos meios Campistas, Tazman e Mussa que não conseguiam criar produção e volume do jogo para alimentar os avençados Felex que era uma presa fácil dos centrais da turma da casa. Diga-se de passagem que as duas equipas pouco fizeram de modo a adiantar-se no marcador na primeira parte limitando-se a circular a bola no grande círculo, sem criar perigo de golo eminente. Veio o intervalo com o nulo a prevalecer.

No reatamento, entrou melhor o Desportivo de Nacala que imprimiu muita pressão e dominou por completo o jogo. Não dando espaço de manobra a Formação forasteira.

Como clorario dessa pressão, num cruzamento de Nuno a direita Elton faz a mancha e na recarga Chana limita-se a empurrar aos 67 minutos no fundo das malhas de Elton para a festa dos adeptos dos Canarinhos de Nacala.

A UP de Manica tentou reagir ao golo sofrido mas não conseguia descobrir caminhos de modo a visar a baliza de Nando. Foi o Desportivo de Nacala, chegou ao segundo tento numa jogada confusa na área, a defesa Mauta e Nely, não conseguiram aliviar a bola e Chana somente encarregou-se a sentenciar o jogo aos 88 minutos para o delírio nas bancadas.

Abubacar Ahamade