Lau King vai ao Songo

que já iniciaram a edificação da estrutura para o próximo ano, cientes também que alguns jogadores que fazem parte do plantel de 2017 poderão não continuar sob comando de Chiquinho Conde.

Com a consumação desta transferência, King realiza o sonho de poder ser treinado por Conde, de acordo com uma entrevista por ele concedida ao semanário desafio. Aliás, Lau tinha duas preferências. A outra referia-se a estar numa equipa orientada por Artur Semedo.

Joca Estêvão