Vitória justa

“Foi uma vitória justa, contra um adversário extremamente difícil. Nós facilitámos as coisas, ainda que tenha sido difícil chegarmos ao primeiro golo.

Tivemos um grande caudal ofensivo, criámos inúmeras oportunidades mas a bola não entrava. Só que acabámos conseguindo fazer dois golos. Com todo o mérito o Ferroviário da Beira conseguiu reduzir a desvantagem e depois disso os jogadores baixaram as linhas não por ordem da equipa técnica, mas também porque fomos empurrados pelo adversário. Com este resultado encurtámos a distância com alguns concorrentes directos, Nélson Santos, treinador do Costa do Sol”.

Ibraimo Assamo

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinão

Publicidade