Siga-nos:

Opinião

Basquetebol

Notícias

Editorial

Retrovisor

USMA Argel elimina Ferroviário da Beira da Liga dos Campeões

O Ferroviário da Beira foi eliminado esta noite da Liga dos Campeões Africanos em futebol, ao empatar (0-0) em Argel diante da Union Sportive Médina d'Alger, ...

em jogo inserido na segunda mão dos quartos-de-final da competição, disputado no magnífico Estádio 5 de Julho, sob isenta arbitragem do gambiano Bakary Papa Gassama, auxiliado por Jean Claude Birumushahu e Marwa Range.

O impedimento do campeão moçambicano de prosseguir para a fase seguinte (meias-finais) derivou do facto de ter empatado por 1-1 na cidade da Beira, no jogo da primeira mão, pelo que apesar de o agregado das duas mãos apresentar um empate a uma bola os argelinos beneficiaram do golo marcado fora.

Mas dir-se-ia que a equipa do Chiveve discutiu a eliminatória taco-a-taco, chegando a fazer estremecer o adversário no segundo tempo e apenas a brilhante acção do guarda-redes argelino evitou um desaire da equipa da casa, sobretudo em duas defesas de classe, negando golos certos a Dayo e Maninho.

No final do jogo, os mais de 20 mil espectadores que “inundaram” as bancadas assobiaram a equipa da casa, numa clara manifestação de desagrado pela forma como a mítica USMA se deixou manietar pelos visitantes, que apareceram pela primeira vez nesta prova e fizeram história.

Mesmo respeitando a máxima que defende que não há vitórias morais, se olharmos para tudo quanto aconteceu durante os 90 minutos desta batalha de Argel podemos dizer que o Ferroviário da Beira discutiu o jogo até às últimas consequências, foi um digno eliminado e, digamos, caiu de pé.

Com esta qualificação às meias-finais, a USMA vai defrontar o vencedor da eliminatória entre o Wydad Casablanca, de Marrocos, e o Mamelodi Sundowns, da África do Sul, que jogam ainda esta noite, em Marrocos, onde a equipa da casa tem a dura missão de corrigir o 1-0 com que a equipa do magnata Patrice Motsepe venceu a primeira mão, na África do Sul.

No outro jogo dos quartos-de-final realizado hoje, o Al Ahly do Egipto eliminou o Esperance Sportive de Tunis, ao visitá-lo e vencê-lo por 2-1, transitando para as meias-finais com um agregado de 4-3, após 2-2 na primeira mão, no Cairo.

 

Assim, o Al Ahly fica à espera do vencedor da eliminatória entre o Etoile du Sahel, da Tunísia, e o Ahli Tripoli, da Líbia, agendado para amanhã, um jogo que se prevê bastante renhido, porquanto a eliminatória está empatada a 0-0.

Por Reginaldo Cumbana

 

0
0
0
s2sdefault
2final.gif
BNIfinal.gif
1final.gif
web_banner_1.gif

Sondagem

O que acha do site?

Quem está online?

Temos 259 visitantes e sem membros em linha

Banca de Jornais

Sociedade do Noticias
  • EconomiaEconomia
  • CulturaCultura
  • DomingoDomingo
  • DesafioDesafio
  • NotíciasNoticias

Conselho de Administração

Bento Baloi Presidente

Rogério Sitoe Administrador

Cezerilo Matuce Administrador