Namíbia e Zimbabwe decidem hoje apurado do Grupo A

O Zimbabwe – quatro vezes vencedor do torneio, o que aconteceu em 2000, 2003, 2005 e 2009 – parte em vantagem, na medida em que é o comandante do grupo, com 6 pontos, dois sobre o seu adversário de hoje, e mostra-se decidido a lutar pela renovação do título.

Caberá à Namíbia – finalista vencida em 1997 e 1999 (pela Zâmbia e Angola, respectivamente) – mostrar os argumentos que tem para contrariar o favoritismo que as estatísticas apresentam, havendo a assinalar que o melhor marcador da presente edição pertence aos BraveWarriors e responde pelo nome de BensonShilongo, com 3 golos.

Também às 17.00 horas estará a iniciar o outro encontro do Grupo, entre Seychelles e Maurícias, apenas para cumprimento do calendário, uma vez que os dois ilhéus não têm hipóteses de discutir a transição, a primeira com apenas 1 ponto e a outra ainda sem pontuar.

Recorde-se que a presente edição da Taça Cosafa arrancou domingo último e vai ter o seu epílogo no dia 30. Moçambique – juntamente com outras cinco selecções bem cotadas no ranking da FIFA publicado em Fevereiro – esteve isento da fase de grupos e só entra em acção no domingo, diante do Malawi, no Moruleng Stadium, partida a contar para os quartos-de-final.

GRUPO A

Resultados

1ª Jornada (17.05.2015)

Zimbabwe-Maurícias (2-0)

Namibia-Seychelles (0-0)

2ª Jornada (19. 05.2015)

Seychelles-Zimbabwe (0-1)

Maurícias-Namíbia (0-2)

Classificação

                      J     V     E    D     B      P

 

Zimbabwe      2    2      0    0    3-0    6

Namíbia           2    1      1     0    2-0     4

Seychelles        2    0      1     1    0-1     1

Maurícias         2    0      0     2    0-4     0