ÁRBITRO AJUDA O SOL A BRILHAR EM NACALA

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

O Ferroviário de Nacala consentiu a primeira derrota por 3 bolas a 1 em casa emprestada, no campo da Bela Vista, em partida referente à 19ª jornada, a 4 da segunda volta, numa tarde em que o Moçambola foi retomado com casos polémicos, onde o juiz principal Arlindo Silvano e seus pares deixaram que o Ferroviário de Nacala jogasse, assinalando grandes penalidades inexistentes e intimidando a equipa da casa, o que obrigou os adeptos a arremessarem pedras para o interior do campo, onde o jogo ficou parado por 7 minutos. Na ocasião o árbitro assinala um penalty inexistente alegando mão de Tawanda, quando na verdade a bola foi dominada no peito pelo lateral direito, numa tarde em que o campo da Bela Vista registou um forte moldura humana.

Os locomotivas de Nacala, jogando no seu reduto com duas baixas no onze, o guarda-redes Dallas e o avançado Terrence, que se encontram lesionados, tiveram uma tarefa bastante difícil de modo a levar de vencida o Costa do Sol, o líder do campeonato, até porque entrou de rompante na quadra, a todo gás, circulando a bola a toda largura do terreno com muita velocidade e boa qualidade nos primeiros 20 minutos, confundindo a turma da casa, que não conseguia sair no seu último terço, contudo os jogadores Isac, Eva Nga e Chawa, sendo os mais inconformados, diga-se de passagem, num contra-ataque rápido aquele último passa pelo lateral esquerdo Mayunda, solicitando a velocidade de Isac. No interior da grande área Germano aborda mal o lance, sai em falso e o avançado desfere um remate colocado e a bola foi parar no fundo das redes do Ferroviário de Nacala, transcorridos que estavam 25 minutos do despique.

Por: Abubacar Ahamade
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Foto de Arquivo
Publicidade
Subscreve se no Jornal Digital

Moçambola 2019

Pos Equipe J V E D GC GM Pts DP
1. C. do Sol 30 20 6 4 25 56 64 +31
2. UD Songo 30 19 3 8 29 47 59 +18
3. Fer. Maputo 30 13 9 8 22 34 43 +12
4. Fer. Beira 30 12 9 9 25 34 43 +9
5. Fer. Nacala 30 12 5 13 31 28 40 -3
6. ENH 30 10 11 9 30 29 37 -1
7. LD Maputo 30 11 7 12 36 30 37 -6
8. Textafrica 30 11 7 12 30 22 37 -8
9. Des. Maputo 30 10 10 10 29 35 36 +6
10. Incomáti 30 10 10 10 31 29 36 -2
LD Maputo 5 : 4 Des. Maputo
Têx. Púnguè 1 : 1 Nacala
B. de Pemba 1 : 2 ENH
Chibuto 1 : 0 UD Songo
Fer. Nacala 1 : 0 Fer. Beira
Fer. Nampula 2 : 1 C. do Sol
Maxaquene 1 : 0 Fer. Maputo
Textafrica 1 : 1 Incomáti

Director: Almiro Santos
Chefes da Redacção:
Reginaldo Cumbana e Gil Carvalho

Desafio é um Jornal desportivo, produto da Sociedade do Notícias.

O Jornal esta disponível em formato físico impresso, o mesmo pode ser lido em formato electrónico.

Play Store

AppStore

SNLogo2

Propriedade da Sociedade do
Notícias, SARL
Direcção, Redacção e Oficinas
Rua Joe Slovo, 55 • Cx.Postal 327
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
( Tel's: 21320119 / 21320120 )
Topo
Baixo