NÃO FALTOU FUTEBOL NA CELEBRAÇÃO DOS 60 ANOS DO PR

O passado desportivo do Presidente da República não foi esquecido no dia (9 de Fevereiro) da celebração do seu sexagésimo aniversário natalício, um homem da bola que as responsabilidades até podem ter reduzido a sua presença nos campos, mas não o seu interesse. Aliás, o Moçambola-2018 só chegou ao fim porque Filipe Nyusi interveio, quando o Executivo da Liga Moçambicana de Futebol só via dificuldades e mais dificuldades.

É em reconhecimento ao facto de este ser um Presidente da República ligado ao mundo da bola que a formação do Média Futebol Clube, conjunto nascido da junção das equipas da imprensa televisiva, radiofónica e escrita, juntou-se aos veteranos dos Mambas – reforçados pelo Primeiro-Ministro, Carlos Agostinho do Rosário, igualmente homem da bola – para uma manhã de sábado diferente, tendo como objectivo a celebração da vida de Filipe Nyusi.

Foi um jogo acima de tudo divertido, com bastante desnível, em que o resultado – nada simpático – pouco interessava para os jornalistas, que o que fazem melhor é relatar as partidas. E tinham por isso poucas hipóteses para contrariar os veteranos dos Mambas, comandados por Tico-Tico, com apoio de Carlos Agostinho do Rosário, que se juntou a estas antigas estrelas da bola que noutros tempos estiveram nos mesmos balneários e sempre tiveram o Eng. Filipe Nyusi como dirigente ou assistente dos seus jogos.

Leia mais...