EIS O JUIZ PARAQUEDISTA QUE SONHOU BRILHAR NO FUTEBOL

Por: Raimundo Zandamela
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos de Arquivo

Afirma ele que a sua vida foi feita de acasos e ainda assim sente-se realizado e feliz.

A sua história assemelha-se a um filme de longametragem com um argumento em permanente escrita. Achirafo Abubacar Abdula pode ser um nome novo para alguns e para outros nem por isso. Ficou popular quando julgou o mediático caso do desfalque dos 14 milhões de dólares do Banco Comercial de Moçambique (BCM), naquele que foi conhecido como sendo “caso BCM”.

Nascido em Maputo e com 66 anos de idade, Achirafo Abdula é licenciado em Direito pela Universidade Eduardo Mondlane (UEM), fez o ensino básico e médio em contabilidade, é docente no Instituto Comercial e na UEM, foi paraquedista, director no Centro de Formação Jurídica e Judiciária da Matola e actualmente desempenha as funções de Juiz Desembargador da 3ª Secção de Recurso do Tribunal Judicial da Cidade de Maputo, onde encontrámo-lo rodeado de uma pilha de processos que precisam de ser analisados aguardando que a justiça dos homens seja feita.

Leia mais...