Stanley Ratifo, o “Pop Star”!

Por:Reginaldo Cumbana
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Fotos do Arquivo do entrevistado

Stanley Ratifo, um germano-moçambicano, começa a dispensar apresentações no seio dos amantes do nosso futebol, não fosse ele aquele herói que, ao serviço dos “Mambas”, cometeu a proeza de marcar o golo solitário com que Moçambique venceu a temível Zâmbia, ainda por cima em pleno Levy Mwanawasa Stadium, em Ndola, a 10 de Junho de 2017, permitindo que os “Mambas” entrassem com o pé direito na luta pela qualificação ao CAN-2019, a ter lugar nos Camarões.

Até essa data, augurava-se- -lhe um futuro brilhante como futebolista, mas quis o destino que questões viscerais de um talento escondido começassem, de repente, a partir deste ano, a revelar-se e a falar mais alto, obrigando o jovem de 23 anos a não mais poder resistir aos apelos da veia musical, que transporta de há muito anos para cá, desde de quando era garoto, seguindo as pegadas do seu pai, que foi um músico “reggae”. E eis que Ratifo está numa espécie de marcha-a-ré na sua carreira futebolística, apostando mais na carreira musical, que a passos meteóricos vai-lhe dando notoriedade.

Na verdade, actuando pelo FC Kohln II, portanto a um degrau de entrar para a Bundesliga, o principal Campeonato Alemão, eis que Ratifo cai para uma divisão menor, assinando contrato com o Erste Club für Rasenpiele Pforzheim 1896, ou simplesmente 1. FC Pforzheim, uma colectividade alemã fundada a 1 de Julho de 2010 e sediada em Pforzheim, a oeste de Baden- -Württemberg, o terceiro maior Estado Federal da Alemanha, com quase 11 milhões de habitantes, cuja capital é Estugarda.

Leia mais...

Stanley Ratifo, o “Pop Star”!