Amiro e Riquito afastam-se da direcção devido a desacertos com Chicualacuala

Um ofício com a data de 17 de Janeiro de 2017 foi dirigido ao presidente da Mesa da Assembleia-Geral canarinha, referindo que Riquito e Amiro assinaram a demissão, confirmando o clima de tensão vivido naquele clube nos últimos tempos. O documento foi recepcionado pela secretaria canarinha a 31 de Janeiro (terça-feira passada).

Joca Estêvão/Arquivo